Morro da Providência



No morro da Providência, uma das mais antigas favelas do Rio de Janeiro, está em curso uma vasta operação urbana de que resultará a demolição de centenas de pequenas casas da encosta. O street artist português Alexandre Farto, mais conhecido como Vhils, passou várias semanas junto daquela comunidade gravando murais com os rostos dos antigos residentes nas paredes restantes das suas casas.
Descascando a superfície, um pequeno filme dirigido por João Pedro Moreira, dá a conhecer este projecto artístico. Uma história de expropriação colectiva contada pelas muitas faces do morro, são as dores de crescimento de uma cidade em mudança que parece não saber como crescer sem expulsar as suas próprias pessoas.

Sem comentários:

Publicar um comentário