Cannatà & Fernandes



Formada pela portuguesa Fátima Fernandes e o italiano Michele Cannatà, a Cannatà & Fernandes arquitectos apresenta um site de interface extremamente simples e projectos de qualidade superior com acompanhamento escrito e excelentes imagens. Destaque para o projecto do Centro de Interpretação Ambiental e Museu do Parque Natural do Douro Internacional, actualmente em construção. Um exemplo de intervenção contemporânea fortíssima num núcleo urbano consolidado e de integração complexa, caso notável de uma arquitectura que se conjuga ao mesmo tempo como peça autónoma, abstracta, e elemento de coesão de um conjunto anteriormente sem referências.

Um agradecimento ao Alziro Neto pela divulgação.

Nota: actualizado o Directório de Arquitectos Portugueses na Net com as entradas de Cannatà & Fernandes e de Marco Ligeiro.

11 comentários:

  1. Cada vez melhor.
    Gira, esta dos Comments adjacentes ao título.

    ResponderEliminar
  2. Parabéns pelo blog!, e o site do atl Cannatá/Fernandes de facto está excelente!
    Deixo-te/vos um contributo para a promoção de arte e cultura: [arquitectura] www.joseadriao.com e [arte] www.anamnese.pt - excelente compilação de registos nacionais!

    T [tpnm@sapo.pt]

    ResponderEliminar
  3. Obrigado pelas propostas, muito interessantes. Brevemente irei colocá-las na página principal.

    ResponderEliminar
  4. Só parei para dizer que Michele Canattà foi um optimo professor! E que orgulho eu tenho em dizer isto!
    PEla simplicidade com que se faz comunicar, pela forma muito italiana de dar a sua opinião: "Ma Cómo?", pelas várias visitas guiadas aos seus proprios projectos, bem no interior de Portugal!

    :D

    ResponderEliminar
  5. Lamento não poder concordar com o Guevara nos encómios ao Michele Cannattà. Recomendo um estágiozito no atelier onde um encontro imediato de 1º grau com a dupla Cannatà e Fernandes valerá por mil das minhas palavras.
    Impressionante a lista de colaboradores! Entre outras questões, gostaria de saber o que lá faz o meu nome, uma vez que deixei de colaborar com eles em Outubro de 2001. Para além disso - e confirmando a minha opinião de que as criaturas são capazes de tudo – também lá consta o nome de um colaborador que foi despedido sem justa causa das 9:30h para as 10:00h da manhã (se não estou em erro, em Outubro ou Novembro de 2002) e que tem um processo contra a firma a decorrer no Tribunal de Trabalho. Tanto nome para quê? Para dar a impressão de que são um grande atelier e que têm um montão de gente a trabalhar para eles?
    Pessoalmente vou mandar um e-mail a pedir que me retirem da lista de colaboradores, uma vez que não quero mais ver o meu nome associado à Cannatà e Fernandes por questões de higiene moral. De qualquer das formas obrigada pelo link ou nunca mais saberia disto. E parabéns pelo blog. Passo por aqui de vez em quando e é sempre um prazer lê-lo.

    ResponderEliminar
  6. Ana C.

    Acredito em ti.
    Até porque estive uma tarde lá no gabinete, e nem que me oferecessem lugar eu aceitaria! É de pôr os cabelos em pé!

    MAs quanto a ter sido aluna do Cannatà, mantenho a minha opinião. Agora, se este ano for aluna da Fátima... acho que não vou gostar. É esperar para ver. TAlvez daqui a um mês tenha resposta.
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  7. Gostei dos trabalhos dos colegas.
    Parabéns!
    fernando cals

    ResponderEliminar
  8. Concordo plenamente com Ana C.

    Experiência própria tb.

    Só tenho a dizer (por enquanto):

    Estou aterrorizado!

    ResponderEliminar
  9. oh minha menina....ana c.3:17 da tarde, outubro 18, 2005

    N deixo de concordar ctg nalgumas coisas em relação ao feitio desta dupla....mas um pequeno esclarecimento, pq talvez sejas um bocado distraída...
    Estão todos os nomes dos colaboradores desde q existe o escritório...os colaboradores actuais,estão em BOLD...acho q tem lógica e demonstra algum respeito por quem lá trabalhou, algo q até costuma rarear por aquelas bandas...

    ResponderEliminar
  10. Sim, são uma linda dupla, oportunistas do melhor. Gosto do trabalho deles,mas sei que jogam sujo, nomeadamente com todos os estagiários e colaboradores que por lá passam.Estes que os escolheram talvez pelo protagonismo,ou não?!Trabalham em concursos e depois de ganhos são dispensados.E aturar o feitiozinho da fatucha com chicote na mão é complicado.

    ResponderEliminar
  11. o pior inimigo do arquitecto é o arquitecto da porta ao lado...

    ResponderEliminar